para-saber-mais-jornal-de-hontem-outubro-2015

Para saber mais:

Textos Acadêmicos:

 

GALETTI, Lylia da Silva Guedes. Mato Grosso: o estigma da barbárie e a identidade regional. In Textos de História, Brasília, v. 3, n.2, p. 48-81, 1995.

LENHARO, Alcir. Colonização e Trabalho no Brasil: Amazônia, Nordeste e Centro-Oeste. Campinas: EdUnicamp, 1986.

PANDOLFI, Dulce (org.). Repensando o Estado Novo. Rio de Janeiro: Editora Fundação Getúlio Vargas, 1999.

PERALTA, Francisco José. A arquitetura Art-Déco no Governo Vargas: a construção de uma identidade nacional. 137 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Estadual de Maringá. Maringá, 2005.

SILVA, Jussara Alves da. O Cine-Teatro Cuiabá: um estudo de práticas e representações (1942-1950). Dissertação (Mestrado em História) – Programa de Pós-Graduação Mestrado em História, Instituto de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá, 2011.

SUTIL, Marcelo Saldanha. A modernidade esquecida: o Art Déco em Curitiba. Revista UFG, Goiânia, n. 8, ano 12, p. 41-45, jul. 2010.

VIEIRA, Thaís Leão. O edifício teatral e os sentidos do Art Déco como discurso de progresso no Estado Novo em Mato Grosso. In: SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 27, 2013, Natal. Anais Associação Nacional dos Professores Universitários de História (ANPUH). Disponível em:  http://www.snh2013.anpuh.org/resources/anais/27/1364957367_ARQUIVO_AnaisANPUHThaisLeaoVieira.pdf. Acesso em 22 set. 2015.

Conectado
Nada por enquanto...